terça-feira, 28 de outubro de 2008

Buenas noches Cinderella

Apesar de já ter estourado minha cota de viagens deste ano, resolvi fazer uma extravagância pelo meu amigão que não conhece Buenos Aires e vou me jogar no Creamfields semana que vem (mais informações sobre o festival, você vê neste post). Enquanto fazia minha habitual pesquisa pré-viagem, qual não foi minha surpresa ao descobrir que o golpe do "boa noite cinderela" chegou com tudo à Argentina.

A droga usada nos golpes é conhecida como burundanga, tem sido manipulada com facilidade em laboratórios clandestinos em Buenos Aires e costuma ser dada às vítimas nas baladas (lá chamadas de boliches). O que se segue não é o roubo da vítima, como no Brasil, mas o estupro - por quem ofereceu a bebida e por seus comparsas, que agem em grupos de 3 ou 4. Os efeitos da droga chegam a durar até dois dias. A matéria (em espanhol) que trata do assunto, você pode conferir aqui, aqui e aqui; informações (em inglês) sobre a droga, aqui. Não pensem que isso só acontece com meninas: consta que um rapaz brasileiro de 20 anos também sofreu o golpe, e acordou em seu quarto de hotel em Bariloche com indícios de ter sido estuprado.

Papai e mamãe sempre nos dizem para não aceitar nada de estranhos. Mas, nas festas e afters da vida, não é nada raro as pessoas relevarem isso e tomarem golinhos disso e daquilo de pessoas que elas mal conhecem. Como dizem os portenhos, Ojo!

12 comentários:

Clebs disse...

Eu achei hilário o nome da droga e como eles chamam balada!

E eu não sei não...Acho que depois deste post, vai ter gente "querendo" é mais topar com alguém que porte algo deste gênero...

Beesha é um ser imprevisível.
Hehehehehe.

Long Time, No see... espero que esteja tudo bem!!

Abração!

Antonio disse...

Hummm..valeu pelo alerta!
To contando os dias para o Cream..se te encontrar por lá dessa vez crio coragem e digo um Oi!..hahahaahha

:)

Lucca Koch disse...

aqui no rio vai ter "life is a loop" na cream, uma pena ser na the week e não no rio centro...

Jack disse...

Cinderela em espanhol não é Cenicienta?

MARCUS disse...

POXA, NAS REPORTAGENS DIZEM QUE ATÉ AO SE ABRIR UM LIVRO O GÁS PODE SER INALADO PELA VÍTIMA E PROVOCAR O EFEITO!!! E VC VÊ ONDE TAMBÉM SE ENCONTRA ESSA SUBSTÂNCIA? ELA É A BASE DO BUSCOPAN! ESTÃO PEGANDO PESADO... O LANCE DESSAS DROGAS É QUE MUITAS VEZES SÃO EXTRAÍDAS DE REMÉDIOS DE VENDA LIVRE. SABIA AO QUE UM CLARITIN D PODE DAR ORIGEM? METANFETAMINA. REALMENTE, CUIDADO É NECESSÁRIO.

introspective disse...

Jack, dessa vez eu escrevi em portunhol mesmo! hehehe

Tony Goes disse...

Mas Cinderella não é o nome da personagem em português, é em inglês (vem de "cinder"). Como somos muito colonizados, desde o desenho de Walt Dinsey que chamamos a boa e velha Gata Borralheira de Cinderella.

Em francês ela se chama "Cendrillon", e em italiano, "Cenerentola". Todos os nomes se referem ao fato dela dormir no borralho, o lugar onde eram jogadas as cinzas (las cenizas...) da cozinha.

Então em portunhol o nome seria mais ou menos como "Borracienta". Par perfeito com burundanga.

Gui disse...

Eu ia comentar alguma coisa, mas o comentário do Tony me fez perder o rumo...rs

Brincando. Todo cuidado é pouco. Aqui tem história até do golpe misturado na água de coco...

Jack disse...

É, e em alemão é Aschenputtel. Aschen são cinzas também.

Lindinalva Zborowska disse...

Oba!! Acho que vou pra lá pra sair do atraso!!! hi hi hi!!!
Um beijo e me liga!!!

Daniel disse...

e o sufixo -ella foi só para dar uma italianada no nome (tava me sentindo 'out' se não desse pitaco na história do nome Cinderella)

introspective disse...

Querido, é pra ler em portunhol mesmo, e com sotaque argentino: "Cinderêja" ;)