quarta-feira, 30 de maio de 2007

Guia da Parada 2007, parte 1B: onde se jogar (na sexta e no sábado)

Aqui vai a continuação da parte 1 do meu guia, com as festas da sexta e do sábado.

SEXTA, DIA 8

O que rola: Na The Week, a atração internacional é a dupla Rosabel, formada pelos DJs Abel e Ralph Rosario. A Bubu também recebe gente de fora: Southern Brothers (não conheço). As sapas mais descoladinhas se jogam na edição especial da festa Chá com Bolachas, no clube Glória, e a comunidade bear se reúne na já tradicional festa Ursound, quase uma label party ursina, que acontece em duas pistas no Hotel Cambridge, na 9 de Julho. Quem preferir um público menos "gay pride" e mais mixed pode se jogar no D-Edge (onde rola a consagrada noite de electrohouse Freak Chic) ou no Vegas (com Pareto, Serge e Márcio Vermelho).

Comentário: Se as noites de quinta e sábado prometem rivalidades e confusão, a de sexta é puro consenso: cada macaco no seu galho. Cada festa tem sua proposta e seu público bem definidos, então não deve haver grandes dilemas. A The Week, em especial, tem tudo para viver aqui a sua noite de maior lotação. Os turistas já estarão em peso na cidade, e não haverá nenhuma festa concorrente no mesmo segmento (diferentemente do que acontece no sábado). Isso sem falar que a dupla Rosabel, mais acessível aos ouvidos médios do que Calderone e Rauhofer, tem um grande número de fãs, que devem rebolar até o chão ao som do megahit "Cha Cha Heels". Para quem for conferir, o conselho é, definitivamente, chegar cedo.

SÁBADO, DIA 9

O que rola: É o auge da programação para todos os clãs, com uma batelada de superfestas ao mesmo tempo. Durante o dia, quem promete roubar a cena é a inédita GiraSol, uma iniciativa conjunta de todas as boates gays de São Paulo, em que cada uma oferecerá o que tem de melhor, entre DJs, drags, go-go boys e atrações. A festa será no Clube de Regatas Tietê e o numeroso line up nacional terá o reforço de 3 DJs gringos. À noite, quem viver verá o duelo mais sangrento desta Parada: de um lado, André Almada repete na The Week a fórmula campeã do ano passado, com mais uma edição especialíssima da Babylon com o top Peter Rauhofer (dessa vez, toca também o mexicano Isaac Escalante); do outro, Rodrigo Zanardi e Rosane Amaral juntam suas forças na E-Joy & R.Evolution, que traz ao Moinho Santo Antônio os DJs americanos Eddie Baez e Jamie Sanchez, mais apresentação da cantora Zhana Saunders, que vem a ser mais uma dessas "divas" do produtor Tony Moran. Alheios a esse confronto, os bears terão mais uma festa só para eles, a Woof!, enquanto meninas e modernos se dividem entre os clubes Glória (com Fischerspooner e Pareto no som) e Clash (onde a festa Close terá um elenco de house e electro bem animado). Ah sim, e a Bubu mais uma vez investe em atração gringa, o colombiano DJ Fist (ui!).

Comentário: Se o tempo ajudar, vale a pena dar um crédito para a GiraSol, uma idéia realmente inovadora e que tem a chance de efetivamente reunir todas as tribos GLS no mesmo lugar, algo raríssimo numa cena tão segmentada como a nossa. A ótima locação deve ajudar a fazer desse evento uma comemoração divertida e única. Sem falar que o som conta com todos os melhores DJs da nossa cena e, entre os gringos, o ótimo (e gato) Brett Henrichsen - quem estava na pool party da Rosane Amaral na Estação do Corpo, no carnaval carioca de 2006, sabe bem do que o moço é capaz. À noite, é clara a diferença entre as propostas das duas principais festas. Vai à The Week quem, como eu, já se encantou com a mágica experiência de ser conduzido pelo maestro Peter Rauhofer e não vê a hora de repetir a dose; vai ao Moinho quem já bateu cabelo na TW na véspera e prefere se jogar num lugar diferente, com um som mais tribaleiro e cheio de vocais. E, com certeza, não serão poucos os que darão um jeito de conferir as duas festas - para esses, melhor começar a noite na E-Joy & R.Evolution e depois ir para a TW, chegando quando Peter já estiver no som e ficando até o final da festa.

10 comentários:

Cristiano disse...

Moinho Sto. Antônio...
Algo me diz que a The Week ganha de novo!
Lembra do ano do Jr. Vasquez no Hotel Unique (e olha que era no Unique!!!)?
O povo foi, deu pinta, marcou preseça, mas acabou em peso numa noite maravilhosa na TW mesmo.

ps: meu palpite pode estar meio míope... mas...
bjus

Cristiano disse...

Este título não seria a "parte 2"?
bjus again.

introspective disse...

CRISTIANO: não, essa é a segunda metade da parte 1 mesmo. a parte 2 será sobre onde comer, e a parte 3 trará algumas sugestões de passeios e coisas legais pra fazer no tempo livre em SP. apareça!

Estefanio disse...

The Southern Brothers é maravilhosamente bom, e é um indivíduo só Gustavo Zapata, não são vááários irmãos! hehehe
Da uma olhada em www.myspace.com/thesouthernbrothers
talvez conehça algum som! Mas eu to mesmo pra Rosabel, falei!

L.Luchetti disse...

Introspective... vc conhece muitas coisas em sp poderia fazer um imenso favor fazendo tambem a parte 4, ou seja, as opções de pegação pra nos turistas aqui do Sul que vão a SP pela primeira vez, porque vamo ser sincero né... no final da conta o que esse povo todo quer mesmo é isso.... pegação... então não faz a linha e nos ajude... seus leitores agradecem!
Luiz Luchetti

introspective disse...

LUIZ: mas é claro que eu não ia me esquecer da pegação, sei que essa é uma das partes mais importantes de qualquer guia gay... aguarde a última parte do guia, lá você vai encontrar um pouco do que procura :)

Alberto Pereira Jr. disse...

ótimas dicas!

introspective disse...

ESTEFÂNIO: obrigado pela correção! eu não conheço esse DJ, vou corrigir já...

daniel ms disse...

Obrigado por colocar nossa festa no seu blog, ótima referência p/ as pessoas se jogarem, adorei seus textos e comentários!

Arrasa!
Bjs

Anônimo disse...

Finalmente uma nova opção no sábado, cancei de the week, the week na quarta, na sexta no sábado, the week todos os finais de semana. Graças a Deus R:Evolutoin e X-demente veio pras nos aliviar dessa casa... E o moinho, meu pai, não tem comparação com o galpão da lapa