segunda-feira, 12 de julho de 2010

Nada se cria... tudo se copia!

A internet permite o compartilhamento de informações e a socialização do conhecimento. A internet é de domínio público. Quem escreve em um blog precisa lidar com o fato de que seu conteúdo será lido, consumido e retransmitido para muitas outras pessoas; quanto mais interessante ou relevante for esse conteúdo, mais ele irá circular. E, às vezes, ele também será... copiado. Não dá para ter um ciúme doentio dos textos: afinal, eles são feitos para serem lidos. É melhor que ganhem o mundo do que fiquem trancados dentro de um disco rígido, inéditos e condenados ao desconhecimento eterno.

Ainda assim, fiquei abismado com a cara-de-pau de um certo blogueiro - que, por incrível que pareça, estava na minha lista de blogs e com quem eu vinha até mantendo um cordial relacionamento virtual, de troca de comentários e gentilezas. Não é que ele tenha cometido algum deslize isolado: o buraco aqui é bem mais embaixo. O rapaz simplesmente copiou todas as resenhas gastronômicas que eu elaborei neste blog, e se apropriou dos textos, publicando-os por aí... como se tivessem sido escritos por ele! As imagens que ilustram este post são de um site chamado Kekanto.

Sabem os restaurantes que recomendei nesse meu guia mais recente, de 28 de junho? Lembram dos lugares que indiquei para meu guia de lugares bons e baratos? Lembram da resenha do Be Fresh? Do Ban Kao? Estão todos aqui, "escritos" e "assinados" pelo ilustre usurpador que atende pela alcunha virtual de "Edu Pampublikong". Até dicas do Rio, como o Market, ele copiou. O pior é que o moço nem se deu ao trabalho de disfarçar, mudar uma vírgula que seja. Pra que ter o mínimo de trabalho intelectual, se o espertinho pode levar os louros com o meu texto mesmo, que está prontinho e redondo, com a minha pitada autoral e tudo, néam?

Prezado "Edu", LADRÃO de criações e trabalhos alheios: essa sua atitude calhorda é muito mais do que um triste papelão. Demonstra que você é uma pessoa fraca, preguiçosa, sem talento, medíocre demais para tentar produzir algo de destaque com sua própria capacidade e mérito. Mais ainda: revela que você não tem caráter. Não tem o mínimo de respeito por mim (embora aproveite para fazer a simpática comigo quando vem aqui roubar meus textos), nem pelos meus leitores. Aliás, nem pelos seus eventuais leitores, afinal de contas você também está os enganando, sendo trapaceiro com eles, levando-os a acreditar no que não passa de um plágio sem pudor. E MAIS ainda, como se tudo isso já não fosse suficiente: sua conduta é um ato ilícito - civil e penal - e você pode acabar sendo processado. Pessoas metidas a malandras como você desmerecem a internet, denigrem os blogs, envergonham o bom jornalismo - e fazem a diferença para construir um Brasil cada vez mais desonesto e pior para se viver. Shame on you!

25 comentários:

Daniel disse...

Será que esse cara achou que nunca seria descoberto? É muita cara de pau!

Fábio Carvalho disse...

Titi,
Na época em que tive um site sobre webdesign passei pela mesma experiência, e não é nada agradável!
E pela lei de direitos autorais, vc poderia facilmente processá-lo. Mas nem sei se vale a pena! Vc teria que imprimir o blog dele, salvar copias, etc etc etc. É chato. Tão chato quando ter sido usurpado de suas criações.
E o coitado só sabe copiar. E vc sabe CRIAR! Vc está mil anos luz acima desse sujeito ordinário.
bjos!

Anônimo disse...

Nossa, que chato isto, hein?

Adoro seu blog!

Beijos

Ruy disse...

Último par[agrafo sintetizou toda a questão. Pessoas que fazem isso pensam não estar fazendo nada demais, pois é só coisa de blog e etc, mas antes dessa superficialidade da questão internet, é uma questão de valores éticos (ou da falta deles).

Tony Goes disse...

Você já entrou em contato com ele? Ameace-o, diga que você é advogado e que vai processá-lo. Não deixe barato.

Fernando disse...

Thiago,

Sem comentários sobre o que esse cara fez. Eu sei o trabalho de cão que dá montar cada uma dessas resenhas, indicar lugares legais, colocar endereço. Eu desisti de fazer isso no meio do caminho, e resolvi montar resenhas+diários de viagem, o que está anos-luz de distância da qualidade dos seus posts. E todo esse trabalho para você acabar com um ou dois comentários (apesar de eu achar que as pessoas USAM esses seus guias e só não comentam).

Internet é o esconderijo de gente com baixa auto-estima, personalidade mesquinha e caráter torto. Nem todo mundo é assim, claro. Mas quem é consegue aqui a máscara ideal para manter a imagem de bom cordeirinho.

Você tem talento, acho que todo mundo que lê o seu blog concorda. Portanto: já deu o recado para essa criatura e segue em frente. Com a certeza de que você pode continuar criando muito mais daquilo, e ele vai somente se resumir a montar cópias do que você produziu.

Abraços,
F

Diógenes disse...

Ainda não averiguei totalmente a questão mas, *ao que se parece*, o site em questão não é dele: aliás, o propósito do site é justamente "falar" daquilo que você "ouviu".
No caso, "escrever" o que "leu". Repetir. Fazer o "boca a boca".

Mas, sinceramente, pelo pouco que li, evitaríamos isso tudo se os /quotes/ tivessem entre aspas (e reticências). Seu nome no final também seria de bom tamanho.

Talvez ele tenha feito isso para ganhar "pontos" (pelo que vi existe uma certa hierarquia brega lá).

Achei de mau gosto, principalmente por que copiar e colar algo escrito em primeira pessoa é quase falta de identidade...

Edu disse...

Mea culpa, mea maxima culpa. Sinto por tê-lo ofendido e já removi as resenhas. É verdade que queria ver o que acontecia com os tais selinhos do tal site. Também verdade que se eu quisesse simplesmente copiar sem ser descoberto, não usaria Pampublikong. Mas falhei sim, devia ter te avisado do site e não tê-lo usado pra colecionar as suas resenhas. Não estou atrás de fama - muito menos a conseguida por mérito de outrem. Mas falhei contigo e com os seus. Retiro-me, envergonhado. Perdão.

mario disse...

VAIDADE SUA
INFANTILIDADE DELE
FALTA DO QUE LER NOSSA

Lobo Cinzento disse...

Nossa... estou meio chocado, devo dizer.

Poderia ter rolado ao menos uma referência de autoria né? Terceira pessoa dos blogs que frequento que é clonada na cara de pau. Tô com medo.

Meditar sobre isso eu irei.

Beijos Thiago.

Moacir disse...

Bom, o pedido de desculpas e a remoção dos textos já aconteceu. Menos mal. Talvez tenha sido um mal entendido, apenas. Talvez não.

Ainda assim eu entendo muito bem o que você sentiu.

Minha amiga Fernanda (http://chucrutecomsalsicha.com) teve suas fotos roubadas inúmeras vezes e publicadas em REVISTAS (revista de papel mesmo) sem sequer darem o crédito, muito menos pedir autorização ou fazer pagamento. Ela se viu obrigada a postar tudo com resolução baixa e os leitores é que perdem com isso.

A internet tá cheia dessas coisas. Mas gente talentosa e especial como você e a Fernanda tem poucas!

Beijo grande, meu querido.

Diego disse...

Fiquei sem palavras. Mesmo. Você é original, continue nos inspirando.

Wans disse...

Thiago, eu gosto pra caralho do seu e do blog do amigo Edú. Acredito que tudo foi um mal entendido e felizmente o amigo teve coragem de vir e se desculpar.

NO mais, fique bem, e saiba que os dois são talentosíssimos e muito queridos por esse que os lê.

bj

Marco disse...

Se a cópia é o mais sincero dos elogios por que não a indenização ser o mais apropriado dos agradecimentos...

Don Diego De La Vega disse...

Entendo e concordo com sua raiva. Ele podia ter dado os créditos pra vc e sabe disso.

Mas acho tb q o cara ter escrito
aqui pra publicamente se explicar e pedir desculpas tb serve de alguma coisa.

O mal já foi feito e tal, mas acho q nunca se deve deixar de perdoar quem verdadeira e genuinamente se arrepende.

dogmanstar disse...

entendo que foi apenas um mal entendido.
deixa a água passar.

uomini disse...

PASSADO COM A BEE-METRALHA-COPIADOURA-DE-TEXTOS-ALHEIOS!

Caju disse...

Eu não gostaria de passar pelo mesmo, nem sei se teria como. Mas faço minhas as palavras do Diego. A atitude dos dois está correta. Mas não é você que vai pesar a cabeça no travesseiro...

Bjos e continue ahazando aqui.

=)

Caju disse...

Concordo com o Diego. Mas acho que o reconhecimento da culpa é valido. O que importa é que vc não vai pesar a cabeça no travesseiro.

Bjus e continue ahazando

Introspective disse...

Algumas considerações para dar um fecho definitivo a esse assunto:

1) Quando o rapaz deliberadamente se apropriou de textos alheios, ele sabia muito bem o que estava fazendo. Tinha total consciência de que estava agindo errado (inclusive reconheceu isso num post, que escreveu e depois apagou). E, mesmo assim, seguiu em frente. Não houve "mal-entendido". Ele não é nenhum idiota. Muito menos uma vítima.

2) Depois que alguém é desmascarado, é muito fácil se arrepender: arrepender-se da merda que deu e do vexame que passou.

3) Ah, mas ele tirou os textos plagiados do ar? Ora, não fez mais do que a obrigação. Não é demais lembrar: além de antiética, a postura dele representou uma violação de direitos autorais.

4) Com o estrago feito, pedir desculpas é a atitude mais adequada a se tomar: a pessoa sai com alguma dignidade, alivia a própria consciência e ainda fica bem na fita pra galere. Todos somos humanos e erramos; não sou nenhum Deus, também estou sujeito a errar (e erro), não estou acima dos demais mortais para julgá-los. Não, não é o caso de crucificar o moço. Mas tampouco é o caso de passar a mão na cabeça dele porque ficou envergonhado (e não era pra ficar?!), ou lhe dar uma medalha só porque se desculpou no final.

5) Assunto encerrado, não vou levar o caso adiante. Creio que a reflexão provocada pelo episódio já serviu de lição a ele e, quem sabe, também de exemplo a outras pessoas.

Vaca Jersey disse...

Adoro um (boa) briga entre dois (bons) machos!!! Acho que vcs deviam resolver no braço... hehehe!!!!! Hugzzzzzz!

Rodrigo Teixeira disse...

bah, puta falta de sacanagem.

e na duvida: segue o conselho da vaca, resolve no braço.
;)

Paulo Braccini disse...

pronto ... assunto encerrado ...

bjux

;-)

poor guy fashion victim disse...

ARGGGG!!! Mau demais. Aqui seria considerado crime de plágio.

Medusa disse...

Olá, sou novo no blogspot e mudei meu blog, que agora é o http://comcobrasnacabeca.blogspot.com/ devido a apropriação indevida dos meus textos... Adorei seu blog. Passe lá no meu...
abs